Bumerangue Zine

3/30/2006

Plantas de bumerangues selecionadas pela SBF
Lista inclui preciosidades como bumerangues de Manuel Schutz com os quais foram obtidas 81 pegadas no enduro e 15,04 no fast, ambas em polipropileno



A página da Swiss Boomerang Federation (www.swissboomerangs.ch) apresenta uma boa seleção de plantas para aficionados por bumerangue. A lista mostra apenas 29 plantas, mas vale a visita por cobrir todas as modalidades e usos com modelos acima de qualquer suspeita.

Vale destacar os modelos desenhados por Manuel Schutz. O Australian Round, o Fast Catch e o Enduro merecem ser estudados por quem está de olho nas competições no Brasil. Vale reafirmar que os dois modelos de 20 metros são feitos em polipropileno, material extremamente * fácil de trabalhar e barato. Clique aqui para visitar o site e boa impressão!

* Opiniões sobre o PP nos comentários
** Vídeo em que Sanca usa o modelo fast-catch no 2 RL 06 Franca - Clique aqui

3/27/2006

:: 2º Raia Livre Nacional 2006 ::
Mais diversão e disputa acirrada
em fim de semana de tempo instável

Nível técnico aumenta com a participação de 31 jogadores, entre eles jogadores experientes e alguns novatos que fizeram seus primeiros arremessos segundo regras de modalidades. Brasília, Criciuma, Franca, São Paulo, Marília e Porto Alegre participaram do encontro. No Planalto Central, gravação de matéria sobre o evento.

No primeiro fim de semana do outono, tempo instável na maior parte do Brasil. Foi a previsão de chuvas fortes que fez os organizadores do encontro em Bertioga cancelarem o evento. Em Porto Alegre, o encontro foi adiado de sábado para domingo por causa do mal tempo. Em Franca, situação semelhante: as provas foram disputadas em dois dias por causa do tempo. Brasília também teve um domingo de chuva. Em Criciúma e São Paulo, fim de semana nublado, sendo que na capital paulista o vento forte sempre constante ditou o ritmo.

O 2° Raia Livre Nacional, que é uma espécie de campeonato-treino realizado simultaneamente em algumas cidades brasileiras, aos poucos caminha para se consolidar como uma opção de encontro, formação de jogadores e divulgação do esporte. Mais novatos e alguns jogadores que nunca participaram tentaram seus primeiros arremessos ou simplesmente acompanharam as provas. Além disso, o encontro parece estar cumprindo sua função de servir de treino para competições, pois entre os 31 participantes, houve muitos jogadores que melhoraram suas marcas ou sentiram-se mais à vontade no campo.

:: Os resultados gerais do 2º RL 2006 podem ser vistos aqui *
Arquivo atualizado em 31/03 - NOTA: Nas próximas etapas, o resultado será divulgado às quintas ou sextas-feiras, pois antes de ser publicada a tabela será revisada por cada "incentivador". Na primeira e segunda etapa, esta revisão ocorreu online. A medida evita correções após a divulgação e amplia a participação dos grupos.

:: Abaixo, um panorama de como foi o Raia Livre em cada cidade.

SÃO PAULO - Parque da Juventude





Álbum de fotos 2 RL 06 SP

No domingo, às 8 horas, o gramado do parque central ainda mantinha muitas poças da chuva forte que caiu entre o princípio da noite de sábado e a madrugada. Quem não estava de chuteiras passou aperto para ficar em pé. A raia foi improvisada à esquerda do local onde ela é normalmente riscada.

Começamos com a realização da provas de trick-catch single. Tales, Marco e Ardilhes foram os primeiros a chegar. Ollie e Edd chegaram no fim da sessão de trick. O inglês chegou a fazer sua sessão de trick, mas depois do aquecimento para o fast resolveu não participar das demais provas. Edd não arriscou arremessos, foi só para conferir como era uma competição de bumerangue.

Aymar e Teixeira chegaram no meio da manhã e participaram de todas as provas. Carlos Martini, o Magrão, também apareceu, mas não participou dos arremessos. Foram realizadas todas as modalidades de 20 metros entre as 9 e 12 horas. Nenhuma marca realmente interessante foi obtida, mas a manhã teve grandes momentos.

A vontade de acertar era tamanha que três bumerangues foram quebrados durante as pegadas. Ardilhes quebrou um trick na hora da pegada com o pé e Teixeira outro na hora do enduro. Mas foi o EX4 amarelo do Tales a atração: quando ele já tinha cerca de 20 pegadas no enduro, uma das asas partiu-se. Mesmo com o bume quebrado ele ainda continuou e conseguiu realizar mais dez pegadas.

Na parte da tarde, clínica de arremesso para os visitantes do parque e muitos arremessos apenas para diversão. O PJ estava cheio e não faltou a tradicional garotada querendo aprender mais sobre o esporte. Nesta parte da tarde fomos acompanhados pelo Paulo Boomerland e pela professora de educação física e novata no mundo dos bumerangues Manuela. A jovem leva jeito e tem tudo para participar dos próximos RL.

PORTO ALEGRE





Álbum de fotos 2 RL 06 POA

No primeiro Raia Livre, em janeiro, os irmãos Felipe e Fabício Luz enfrentaram a chuva no Parque Harmonia. O tempo ruim apareceu novamente no sábado e o grupo resolveu fazer o evento no domingo às 15h30, na ESEF (Escola de Ed. Física da UFRGS). Ninguém ficou chateado com a mudança. "Foi um dia legal que conseguimos para o Segundo Raia Livre POA! Um domingo ensolarado e com muita diversão!!!! Dessa vez eu e meu irmão conseguimos 'arrecadar' mais amigos e competidores. Dessa vez contamos com 6 competidores: Felipe Luz, Fabricio Luz, Samuel Freese, Álvaro Ferreira, Antônio Veiga e Djalma Barbosa", comenta Felipe.

Os novatos realizaram principalmente a prova de precisão e Samuel ainda se arriscou no fast. A estratégia foi interessante, pois a prova de precisão é a mais simples para quem está começando a jogar. "Mas foi muito legal ter bastante gente para prestigiar o esporte. Dificilmente conseguimos juntar bastante gente. Foi um super barato!!!", disse o sempre empolgado Felipe. Ele fez a ressalva de que a pontuação não foi das melhores, mas diante do aprendizado e da chance de mostrar o esporte para novos jogadores, isso é apenas detalhe.

CRICIÚMA - Paço Municipal

:: Clique aqui para ver o vídeo do Sandro - 19s38 fast catch

Esta é a segunda etapa dos encontros nacionais e a primeira para a cidade de Criciúma, Santa Catarina. O incentivador do encontro foi o jogador Sandro Carlos Freitas, que comenta que o RL foi muito bom, apesar dos contratempos de marcação de raia. Infelizmente o grupo não teve permissão para realizar as marcas e por este motivo não foi realizada a prova de precisão.

"O dia estava fechado, totalmente nublado, mas com uma brisa perfeita para a prática de bumerangue. A programação iniciou às 9h30 da manhã de sábado. Como estávamos em 3, foi tudo tranquilo, e terminamos tudo antes do meio dia", comenta Sandro.

Sandro comenta (e nós podemos ver no vídeo acima) que o dia nublado ajudou que poucas pessoas saíssem pra caminhar no paço, dificultando um pouco a "visibilidade" do esporte. "Mas valeu. Os outros dois garotos se divertiram muito e vão treinar mais para o próximo. O mais legal é que consegui dois parceiros pra treinar comigo", afirma Sandro. Nas planilhas que serão divulgadas veremos que Criciúma foi a cidade com os melhores tempos e marcas.

FRANCA - Clube de Pólo





:: Álbum de fotos 2 RL 06 Franca

:: Clique aqui para ver o vídeo do Sanca - Fast Catch

A galera de Franca fez o primeiro Raia Livre em prestações da história! No sábado, realizaram trick single e enduro, enquanto no domingo foi a vez do trick double, precisão e fast. De acordo com o bumeranguista Moraes, os tempos não foram excelentes, mas não faltou empolgação. "Me esforcei bastante e o pessoal também, teve de tudo: boas pegadas no trick, boas marcas no fast. Acho que no geral não fomos muito bem. Só que tivemos algumas recompensas", comenta Moraes.

Em Franca, não faltaram períodos de chuva e sol. Houve pancadas de chuva que duram alguns minutos, o que atrapalhou muito de acordo com os jogadores. Além dos bumeranguistas e companheiras, o grupo ainda teve a companhia de amigos e até mesmo de dois hóspedes de um hotel no qual o jogador Sanca estava hospedado.

BRASÍLIA





Dia de campeonato com muita chuva em Brasília e apesar de não ter caído uma gota d’água na Esplanada dos Ministérios, o forte vento atrapalhou muito os esportistas mais empolgados. Os bumeranguistas compareceram às 16 horas, porém a jogatina começou por volta das 16:30, já com pouca luminosidade devido nuvens pesadas que pairavam sobre a Esplanada.

Parte das provas de trick catch e precisão foram filmadas pela equipe de TV do UNICEUB, centro universitário de renome no Distrito Federal, que gravou uma matéria sobre o bumerangue esportivo no DF e também fez entrevistas com os participantes. Destaque para eloqüência de Roberto Cereser, João Pedro Abreu e Eduarto (Duds) que, com seu fast catch, conseguiu acertar a boca de João Pedro durante a gravação. Diante de tal afronta na frente das câmeras, o João esqueceu sua recente cirurgia de retirada do apêndice, e lembrando a garra dos amigos gaúchos, resolveu participar da competição para dificultar a vida do Duds. Porém, conforme era previsível, João jogou muito mal.

Os grandes destaques desta segunda etapa do Raia Livre em Brasília foram: Jean, bumeranguista canhoto, que com seu único bumerangue conseguiu derrotar dois vice-campeões pan-americanos na modalidade precisão; Daniel Mendes (tiruliru) que tem uma técnica impressionante de arremesso; e Roberto Cereser campeão nas modalidades Fast-catch e enduro, mostrando maturidade na hora de seus arremessos.

Apesar das condições climáticas hostis à pratica do esporte, o dia foi bastante proveitoso e divertido. Todos colaboraram na organização do Raia Livre e para o clima de cordialidade já tradicional nos gramados brasilienses. Após a competição os “atletas” se encontraram numa creperia para matar a fome e conversar ainda mais sobre o esporte.

MARÍLIA


A experiência conqustada com a realização da primeira etapa ajudou que o 2º Raia Livre em Marília ocorresse de forma tranqüila e muito animada, segundo conta o incentivador Hereo Abreu. “Apesar de ter marcado para as 14 horas, começamos na realidade às 16 horas, visto que duas pessoas não puderam participar e os outros começaram a chegar a partir das 15:00. O tempo estava ótimo. Sem sol, com vento de fraco a moderado”, explica Hereo.

Ele conta que como o mato do campinho onde jogam estava um pouco alto e eles não conseguiram contatar o responsável na prefeitura para a capina, um sábado antes o grupo marcou as raias com uma substância usada para capina química (Randap). “Não ficou perfeita mas deu para jogar tranquilamente. Por um bom tempo teremos raia permanente (heheheehe)”, comenta Hereo. Participaram desta edição: Mauro, Mauricio, Hereo e os novatos Fábio, Vitor e Gabriel.

Os novatos são garotos na faixa dos 12 anos, mas que não se intimidaram e participaram normalmente das provas. “Até pensei em fazer uma prova separada, alguma coisa do tipo mirim, mas eles não aceitaram e participaram junto conosco”, diz Hereo. O grupo realizou as provas de fast-catch, enduro e precisão. Eles ainda improvisaram um ensaio da prova de aussie. “Como nosso campo não comporta arremessos maiores que 25 metros, a única exigência com relação ao aussie foi que o bumerangue passasse dos 20 metros e não computamos a pontuação de distância e somente pegada e precisão”, comenta Hereo.

As provas terminaram por volta das 18h30. O grupo fez uma vaquinha entre os participantes e comprou refrigerantes e medalhas para premiar os primeiros colocados. “Foi bem legal e estimulou ainda mais a participação. Algumas considerações importantes: foi mais facil organizar o segundo do que o primeiro, foi mais rápido e organizado e os resultados de quem participou dos dois eventos foi bem melhor do que no primeiro”, conta o incentivador. “Como aconteceu no primeiro, tivemos um bumer quebrado (hahahaha). Enfim foi um fim de semana gostoso e vamos aguardar o próximo”, escreveu Hereo.

3/23/2006

Agenda do 2º Raia Livre Nacional 25 e 26 de Março

A segunda etapa do Raia Livre Nacional ocorre neste sábado e domingo. Confira abaixo as datas e locais. Compareça para treinar, competir e divulgar o esporte. Confirme com o organizador da sua cidade se é preciso ajuda para marcar as raias ou outro detalhe de infraestrutura. Bons arremessos para todos.

::: Franca
Sábado - 9 horas
Polo Clube de Franca (Av. São Vicente s/n, próximo a Vila Hípica)

::: Marília
Sábado - 14 horas
Campo CPFL - Rua Romano Crepaldi, 109

::: Porto Alegre
Sábado - 15h30
Parque Harmonia

::: Criciúma
Domingo - 9 horas
Paço Municipal de Criciúma, em frente ao Monumento das Etnias

::: São Paulo
Domingo - 8 horas
Parque da Juventude (Metrô Carandiru)
Obs: a lanchonte do parque estará fechada durante todo o dia. Leve seu lanche!

::: Bertioga
Domingo - 9 horas
Sesc Bertioga - na praia

::: Brasília
Domingo - 15 horas
Esplanada dos Ministérios

NOTA: Se você deseja o e-mail ou telefone de contato de algum dos organizadores nas respectivas cidades, entre em contato pelo e-mail: ardilhesmoreira@estadao.com.br - cel: (11) 9817-8005.

3/22/2006

Vídeos - pra quem tem banda larga...
Abaixo, postamos dois vídeos relacionados ao bumerangue. Eles estão hospedados no site You Tube. Nossa dica pra quem vai assistir é deixar que o vídeo seja carregado uma primeira vez, pois a primeira sessão costuma mesmo travar um pouco. O You Tube converte as imagens para flash, mas apesar disso os arquivos ainda são pesados.

Erros e acertos no Planalto Central
Nota: Este vídeo foi produzido pelo pessoal de Brasília. Se você teve problemas para visualizar ou quer receber um link para baixar o arquivo, deixe uma mensagem nos comentários do site com seu e-mail.

1º Desafio Paulista de Bumerangue 2006

Nota: Este vídeo foi produzido pela equipe BZine. Se você teve problemas para visualizar ou quer receber um link para baixar o arquivo no formato wmv, deixe uma mensagem nos comentários do site com seu e-mail.

3/20/2006

Bertioga recebe torneio com 6 participantes



O 2ª Desafio Paulista Bertioga foi realizado ontem. Segundo o organizador, o litoral teve um dia de vento um pouco mais forte que o normal. Participaram Roberto Souza, Rodrigo Mutuca, Alexandre Ortega, Magrão, Iuri e Fábio. Fizeram todas as seis modalides previstas (fast, trick, precisão, enduro, aussie e MTA). Os resultados serão divulgados ao longo da semana no site do organizador e o resumo aqui no Bumerangue Zine.

De acordo com o organizador, a classificação geral foi a seguinte: 1º Roberto Souza, 2° Rodrigo Mutuca e 3º Alexandre ortega. Nos resultados individuais, as marcas foram as seguintes: Fast-catch: Magrão em primeiro com 23,81 seg, Ale 23,91 seg e Roberto Souza 23,94 segundos. No MTA, o melhor tempo foi do Magrão com 28,85 seg, segundo para Roberto Souza com 25 seg e o Rodrigo com 24,08 seg.

No Aussie, Magrão fez 78 pontos, em segundo Roberto com 60 e terceiro para Rodrigo com 58 pontos. No enduro, Roberto com 51 pegadas, Rodrigo 43 e Alexandre com 41 pegadas. Em precisão, que foi disputado em 10 arremessos feitos em revezamento, o jogador com melhor pontuação foi Alexandre com 78, Rodrigo com 74 e Iuri Mutuca, com 48 pontos. Nas pegadas acrobaticas, Rodrigo ficou com 39 pontos, Roberto com 29 pontos e em terceiro Alexandre com 24 pontos.

3/17/2006

Revistas com bumeranges que brilham no escuro



A Editora Abril (www.abriljovem.com.br) lançou nesta semana a "Power RAngers A Revista", cujo número de estréia vem acompanhado de um bumerangue. A revista é vendida na banca por R$ 6,95. A revista é voltada para o público infantil, com passatempos, histórias em quadrinhos e outras atrações. Mas o grande "anabolizante" escolhido para o lançamento é um bumerangue de três asas, apresentado na embalagem como um "Power Bumerangue que brilha no escuro".

A revista é bimestral e o primeiro número vai circular apenas no Sudeste. Infelizmente, não há na embalagem ou mesmo dentro da revista nenhum manual de arremessos. O modelo é muito semelhante ou idêntico ao modelo da empresa de brinquedos "Rosita", vendido no kit "malabares". Feito em plástico, ele não tem shape e tem as asas levemente arqueadas para cima. Em um teste de vôo sem regulagens feito pela equipe BZine em condição de vento leve/moderado, ele apresentou alguma capacidade de retorno se arremessado com jeito. Ele descreve no ar uma trajetória meio elípitica e não é preciso. Certamente não é a melhor maneira de uma criança aprender seus arremessos. Tem uma tendência a não estabilizar. Depois de algumas torções nas asas, manteve o vôo elípitico, com tendência a subir e manter o giro.

O bumerangue foi fabricado pela Neon Tech para a Abril. Ao todo, a empresa produziu 25 mil peças. Uma parte deste material tinha sido anteriormente encartado na Revista Recreio, que circulou em fevereiro. O site da empresa é o www.neontech.com.br, mas, segundo a própria empresa, ele está desatualizado e não tem foto do modelo.

Bob Esponja no Outback

A rede norte-americana Burger King, considerada a segunda maior do mundo do segmento de fast-food, atrás apenas do McDonalds, também realiza uma promoção onde o bumerangue é figurante. 20 bonecos do personagem infantil Bob Esponja representam atividades e situações da história mundial. Entre eles, está um boneco do personagem referente a Austrália, no qual ele aparece segurando um bumerangue. Mais informações sobre a promoção e ainda uma dica de confecção de bumerangue de quatro asas em cartão no site http://www.bk.com/spongebob/

3/13/2006

Assista e agende-se
Raia Livre dia 26 de março: faltam duas semanas

A organização está preparando uma atualização da cartilha do Raia Livre Nacional, a partir das dúvidas surgidas no primeiro encontro, realizado no dia 22 de janeiro. O evento é uma espécie de campeonato-treino, realizado simultaneamente em diferentes cidades. Na coluna ao lado, confira o calendário com a data de todas etapas. Abaixo, link para vídeo do 1° encontro realizado em SP.

:: Clique no link para baixar (formato zip 4,29 MB).

3/10/2006

2° Desafio Paulista Bertioga

A Bahadara definiu mais uma data dos seus encontros: será no dia 18 de março. No evento anterior, que foi divulgado com maior antecedência, 10 jogadores participaram das provas. Mais informações no site.

Marcas atualizadas

Uma atualização bastante atrasada: incluímos as marcas do Sandro Freitas, em precisão, e Jerri Leu, no MTA, e Rodrigo, no australian. Todas foram obtidas nas provas de time do Pan 2005. Elas não constavam anteriormente porque o BZine só tinha a versão resumida das planilhas do Panamericano e os resultados foram obtidos na prova de times. Os recordes, que figuram em nossa relação de marcas, podem ser conferidos no site da IFBA ou baixados aqui.

3/09/2006

em época de Trocaboom
Dica de pintura de bumerangue

Para muita gente, bumerangue é quase uma religião. E foi justamente inspirado nos vitrais das catedrais católicas que o bumeranguista e “artista crente” Marco Canhoto elaborou a pintura de um bumerangue para a modalidade fast catch. A técnica pode ser empregada em todos os modelos e é uma boa dica pra quem vai participar do 4º Trocaboom. Veja as fotos e as dicas abaixo:








Os materiais necessários para fazer esta pintura são simples: Papel contact (ou fita adesiva), estilete, régua, tintas luminosas, verniz p/ tinta luminosa e aerógrafo. (O aerógrafo pode ser substituído pelo uso de latas de tinta em spray, embora a precisão dos traços possa ficar comprometida).

1º passo
Corte c/ o estilete algumas tiras finas do contact (ou fita adesiva) de modo assimétrico. Cole-as no boom de forma aleatória, de acordo com o desenho que você deseja obter. Neste caso foi feito imitando o efeito “vitral”.

2º passo
Após colar os "filetes" de contact, certifique-se de que está bem colado sem nenhuma parte levantada, o que pode causar deformação no desenho. Comece a aplicar as cores de forma aleatória, afim de de cobrir toda a área do bumerangue.

3º passo
Após o a utilização das cores, foi usado tinta preta sobre os filetes de contact, afim de obter
um sombreamento nos cantos das areas pintadas e também nas bordas do boom.

4º passo
Após a secagem completa da tinta, retira-se os filetes de contact e se o resultado for satisfatório, aplique uma camada de verniz para proteger a pintura. Neste boom, foi pintado também a parte inferior dele, para facilitar sua visualização, tanto no vôo quanto no chão.

Para saber mais, escreva para ou autor deste passo a passo: Marco Canhoto, de São Bernardo do Campo - SP (marcoboom@ig.com.br). Para conhecer outro trabalho do bumeranguista, baixe a revista Bumerangue Zine 2005 (link no topo da coluna ao lado), na qual ele decora um bumerangue de duas asas.

:: Vale também conferir as dicas de pintura no site da World Bumerangues, clique aqui.